segunda-feira, 11 de outubro de 2010

VALENTES ESTAS AVES


O bico deste pássaro foi-se formando de uma valente cagadela de uma Rola-turca no vidro da janela, quando esta aterrava no telhado.
De noite a valente cagadela transformou-se em novo pássaro, de asas presas e em posição de sono profundo e meditação.
Seu corpo transformado nesta noite de um Outono não tão fresco, mas de horas peculiares como esta.



Elas, Rolas e cagadelas, aqui andam felizes nos ramos da velha Nogueira.


Inez Andrade Paes

Sem comentários:

Publicar um comentário