domingo, 22 de junho de 2014


e o mar não tarda bate em teus olhos
e sossega toda a memória que se perde leve

Inez Andrade Paes

 

Sem comentários:

Publicar um comentário